Mensagem ao suposto "espião":

   

     Prezado Sr.

     Talvez esteja surpreso em receber uma mensagem pessoal de minha parte, visto que jamais tivemos, desde seu ingresso a esta lista a oportunidade de nos comunicarmos diretamente. Conforme deve perceber, estou a enviar uma cópia desta ao meu co-moderador Cid Farias. Estou a falar em meu nome e em nome dele. A natureza do assunto a tratar é bastante delicada, de modo que, a bem de sua privacidade, preferi fazê-lo no âmbito dos moderadores, apenas.Conto com a sua compreensão no sentido de que não poderia deixar de abordar o que falo a seguir, em nome da segurança e privacidade dos diversos membros de nossa mail-list. Pois bem, vamos aos fatos:  

    Há algum tempo chegaram até nós, os moderadores, infaustos rumores sobre pessoas ingressando nesta lista com o objetivo precípuo de tentar identificar e delatar a presença de possíveis membros ativos TJ ao corpo de anciãos de suas respectivas congregações, numa atividade policialesca e, por certo, desleal. Enquanto não tínhamos dados mais palpáveis, nenhuma escolha tínhamos, senão esperar para ver o que aconteceria. Tudo o que tínhamos eram meras suposições, sem nenhum dado concreto, tal como um nome. Estou certo de que o Sr. concordaria que a preocupação de diversos membros de nossa sala virtual neste respeito é legítima, pois todos sabemos das sanções impostas àqueles que ousam infringir a política da Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados. O drama é ainda maior entre os que cresceram em famílias de adeptos, às vêzes por duas ou mais gerações. Eles não são obrigados a viver com a "espada de Dâmocles" pendendo sobre suas cabeças. Isto constituiria uma violação dos direitos deles enquanto seres humanos. Ao  criarmos esta lista, o objetivo era e ainda é fornecer a tais pessoas um lugar onde possam se expressar abertamente, debater e investigar com SEGURANÇA. Infelizmente, no mundo cibernético, segurança é mais um conceito idealístico do que uma realidade. Assim sendo, somos nós próprios que temos de tomar medidas para dentro do possível, prover o respeito ao anonimato dos que desejarem permanecer assim, em favor deles próprios.

          Contudo, chegaram até nossas mãos informações em torno de seu nome, dando conta de que:

      a) O Sr. teria ingressado nesta lista tempos atrás com o intuito de tentar identificar TJ's de sua própria região e repreendê-las ou denunciá-las.

      b) Após algum tempo nesta atividade, o Sr. supostamente teria identificado um de nossos participantes, ido até ele e o pressionado a deixar a lista, sob pena de denúncia à congregação.

      c) Após ter conseguido o desligamento da referida pessoa, o Sr.  teria também se desligado, sem maiores explicações.

      d) O Sr.  teria retornado à lista, só que agora com novo "nick", mas com o mesmo objetivo de antes.

  

   Como não havia certeza sobre a procedência de tais informações, obviamente graves, ficamos à espera de indícios que pudessem reforçar ou enfraquecer tais denúncias.É nosso papel  zelar pelo bem estar de nossos companheiros. Assim sendo, evitamos precipitações ou pré-julgamentos, até por que havia o risco de tratar-se apenas de boato, ou que o nome envolvido pudesse, na realidade ser outro e não o seu. Todavia, por precaução, passamos a examinar mais atentamente sua conduta nesta lista. Infelizmente, isto só reforçou mais ainda tais suposições. Sua participação tem sido mínima, um tanto quanto obscura, de modo que até bem pouco tempo não sabíamos sequer qual era seu posicionamento pessoal sobre as questões que colocamos aqui. Não que haja algo de essencialmente mau em uma certa "timidez", pois há colegas nossos que só lêem e-mails, passando até meses sem emitir mensagens.  Isto é perfeitamente normal. Entretanto, tudo o que tínhamos era um nome e tais denúncias. Porisso, o Sr. foi incentivado a se expressar mais, e, quando o fez, forneceu mais uma peça neste intrincado "quebra-cabeças", a qual aparentemente se encaixa nas outras de que dispomos. Assim sendo, respeitosamente, perguntamo-lhe:

   TAIS INFORMAÇÕES TÊM ALGUM FUNDAMENTO?  

    Pedimos ao Sr. a mais completa franqueza e honestidade na resposta, pois entendemos que estas constituem sua obrigação como cristão. Não temos como checar a veracidade de suas informações, de modo que resta-nos apenas a crença de seu compromisso - na qualidade de cristão - com a verdade, pois está escrito: "O diabo é mentiroso e o pai da mentira." (João 8:44)

      Em caso negativo, solicitamo-lhe desculpas por trazer tal assunto à baila, ao passo que pedimo-lhe sugestões sobre como lidar com esta matéria ou alguma idéia acerca de como tais informações se produziram e dirigiram-se à sua pessoa. Neste caso, o Sr. continua muito bem-vindo a esta lista.

      Por outro lado, em caso afirmativo, desejamos lembrá-lo de que tais atividades, além de desamorosas, desleais, desonestas, anti-cristãs, covardes, antiéticas e vis, constituem também uma ilegalidade - invasão de privacidade e violação da liberdade individual. Requer extraordinária ignorância supor que alguém possa ser biblicamente abençoado por meio de tal expediente. É lamentável que muitos tenham sido induzidos pela religião a por em marcha esta empreitada de "Scherlock Holmes" ou caça-apóstatas. Se tais informações são verdadeiras, sugerimos ao Sr. duas opções: a)Reformular completamente seu ponto de vista neste assunto e respeitar o anonimato de nossos membros, continuando em nossa mail-list ou b) Deixar esta mail-list imediatamente.

      Contamos com sua compreensão em face de que, sob tais circunstâncias, não podemos agir de outra forma que não desta. Poderíamos, como moderadores, desde o princípio, ter excluído seu e-mail deste foro. Contudo, por acreditarmos no direito de defesa, abrimos aqui espaço para que o Sr. possa fazê-la da forma mais ampla e irrestrita. É nosso dever como cidadãos e seres humanos.

       Sinta-se à vontade.

       Odracir e Cid (moderadores da lista "Testemunhas")

 

Nota: A pessoa em questão negou ser o tal "espião" e, na ausência de provas e por respeito ao amplo direito de defesa - nem sempre concedido pelos representantes da Sociedade Torre de Vigia -, os moderadores consentiram que a referida pessoa permanecesse na lista.

 

| Home | Apresentação | Dossiê | História | Doutrinas | Previsões | Medicina | O Nome de Deus  |
| Ocultismo | Atualidades | Mail List  | Depoimentos | Links | Correspondência | Início |